CTP Próprio

CTP

É um processo de gravação de chapa para máquinas off set. Esse processo de gravação acontece através de um laser, permitindo a transferência da imagem diretamente do arquivo salvo em um servidor para a chapa de alumínio pré-sensibilizada, garantindo maior qualidade ao ponto de retícula que irá compor a imagem, proporcionando maior agilidade no processo de gravação em comparação ao antigo fotolito, além de garantir uma qualidade muito maior devido a redução do processo e fidelidade ao arquivo, aumentando a definição de imagens traços e pontos mais precisos.

O CTP (Computer to Plate) surgiu com o avanço tecnológico substituindo o fotolito na indústria gráfica, sendo mais ecológico que o processo de revelação do fotolito , aumenta a precisão de imagens, sendo mais rápido e econômico.

Processo de gravação do CTP’s

Separação de cores.

Exposição da matriz e a parte de revelação ocorrem diretamente na máquina offset. Quando esse mesmo processo de gravação era realizado com fotolito acontecia em 10 etapas:

1.Separação das cores;
2.Gravação de fotolito;
3.Revelação do fotolito;
4.Verificação do enquadramento do jogo de fotolito;
5.Montagem do filme da matriz;
6.Exposição a Luz UV;
7.Arquivamento do filme;
8.Revelação da chapa e montagem na máquina.

Com tudo, esse processo economiza aproximadamente 50% do processo de montagem e agiliza o procedimento de produção do material com maior qualidade.

[mk_image src=”http://www.grafitec.com.br/wp-content/uploads/img-ctpproprio.jpg” image_size=”full” align=”center”]